quinta-feira, 26 de fevereiro de 2009

A quem iremos nós, Senhor?


"A quem iremos nós, Senhor?
Vós sois a Fonte de vida.
Vóis sois a nossa luz e a nossa força.
Nós acreditamos em Vós.
as vossas palavras, são palavras de vida.
Nós confiamos na bondade do vosso amor.
Vós sois o caminho, a verdade e a vida.

É uma graça imensa poder acreditar
que Vós nos amais infinitamente mais
do que nós mesmos.

É uma graça inefável poder acreditar
que sois o Verbo eterno de Deus,
em Quem e por Quem tudo foi criado.

É uma graça inaudita poder acreditar
que sois o Pão da vida e a Luz do mundo.

A quem iremos nós, Senhor?
Vós tendes palavras de vida eterna.
Vós sois o Santo de Deus.

E porque a fé nos permite assim rezar,
o coração estremece de dor
ao ver tantos irmãos que vos não conhecem
nem conhecem a beleza do vosso amor.

O nosso único desejo está em Vós.
Embora sentindo os dinamismos opostos que habitam o coração humano
Ferido pelo pecado,
O nosso único desejo está em Vós, Senhor.

Vós sois o nosso Tudo.
Vós sois a nossa Vida.
Vós sois o nosso Amor."

Liliana

domingo, 22 de fevereiro de 2009

O Caminho pela Oração...

video

A Quaresma é o tempo favorável para a mudança e para encontrar a plena harmonia com Deus. É uma ocasião propicia para uma profunda revisão às nossas vidas e a toda a caminhada feita por cada um de nós.
Senhor, tu que amas e acreditas em nós apesar das nossas fraquezas, de nem sempre correspondermos a esse amor, faz com que abramos os nossos corações à Tua Palavra, saibamos escutar o que tens para nos dizer e possamos mudar a nossa vida, de forma a conseguir caminhar para junto de ti.
Com o intuito de caminhar em união com todos, o nosso grupo de jovens, resolveu proporcionar durante a Quaresma diversos momentos de oração, para que possamos em comunhão caminhar lado a lado para Cristo e viver plenamente a Quaresma.

Todas as terças-feiras na Igreja da Sé, pelas 21 horas iremos dar mais um passo para nesta Quaresma caminharmos para o AMOR de CRISTO!!



terça-feira, 10 de fevereiro de 2009

Hino de Louvor ao Senhor


Louvarei o Senhor de todo o coração
no conselho dos justos e na assembleia do povo.
As obras do Senhor são grandiosas
e dignas de meditação para quem as ama.
As suas obras são majestosas e esplendorosas
e a sua generosidade é para sempre.
O Senhor não nos deixa esquecer as suas maravilhas;
ele é bondoso e compassivo,
dá alimento aos que o honram,
lembra-se sempre do seu pacto.
Revelou ao seu povo o poder das suas obras,
dando-lhe as terras doutros povos.
Tudo o que ele faz é justo e verdadeiro,
os seus mandamentos são dignos de confiança,
porque foram estabelecidos para sempre
e baseiam-se na verdade e na rectidão.
Ele libertou o seu povo
e fez com ele um pacto eterno.
Ele é santo e poderoso.
A verdadeira sabedoria consiste em hnrar o Senhor,
aqueles que o honram têm entendimento.
Deus seja sempre louvado.

Salmo 111

domingo, 8 de fevereiro de 2009

Retirou-se para um sítio ermo e aí começou a orar...

"Naquele tempo,
Jesus saiu da sinagoga
e foi com Tiago e João, a casa de Simão e André.
A sogra de Simão estava de cama com febre
e logo Lhe falaram dela.
Jesus aproximou-Se, tomou-a pela mão e levantou-a.
A febre deixou-a e ela começou a servi-los.
Ao cair da tarde, já depois do sol-posto,
trouxeram-Lhe todos os doentes e possessos
e a cidade inteira ficou reunida diante da porta.
Jesus curou muitas pessoas,
que eram atormentadas por várias doenças,
e expulsou muitos demónios.
Mas não deixava que os demónios falassem,
porque sabiam quem Ele era.
De manhã, muito cedo, levantou-Se e saiu.
Retirou-Se para um sítio ermo
e aí começou a orar."

Mc 1, 29-39

Cristo ajuda-nos diariamente com as nossas alegrias, com as nossas tristezas e mágoas, quando temos a coragem de fazer como Ele fez... ao exprimirmos o que nos vai dentro do coração e orarmos. Por vezes sentimo-nos tristes...ou doentes... ou por vezes uma alegria tão grande dentro de nós que não sabemos o que se passa connosco. Mas a maioria das vezes quando nos sentimos tristes não temos a coragem de contar a Cristo o que se passa connosco...queremos esconder o que sentimos...como se Ele não soubesse sempre o que se passa cá dentro... Parece que por vezes até com Cristo somos orgulhosos.... orgulhosos por não querermos Lhe pedir ajuda... orgulhosos porque não queremos reconhecer que estamos desorientados... orgulhosos porque achamos que sozinhos conseguimos tudo... E Deus espera todo o tempo necessário...até nós termos a coragem de Lhe dizer "Senhor, agradeço-te tudo o que tens feito por mim, mas neste momento preciso da tua ajuda...não sei o que se passa no meu coração...não sei o que fazer com a minha vida....!

"Senhor quero dizer-Te, no silêncio os meus segredos.
Preciso que me ajudes a estar conTigo."

domingo, 1 de fevereiro de 2009

Orar...

"Jesus saiu para o Monte das Oliveiras, como era seu costume. Os discípulos foram com ele. Quando lá chegou, disse-lhes:Peçam a Deus para não cairem em tentação. Afastou-se deles cerca de trinta metros e pondo-se de jelhos, orava assim: Pai se for do Teu agrado, livra-me deste cálice de amargura. No entanto, não se faça a minha vontade, mas sim a tua. Nisto apareceu-lhe um anjo do céu que veio dar-lhe forças. Jesus estava muito angustiado e orava ainda com mais ferver, enquanto o suor lhe caia no chão, como grandes gotas de sangue. Depois da iração, levantou-se e foi ter com os discípulos, mas encontrou-oos abatidos pela trsiteza. Disse-lhes então: Estão a dormir? Levantem--se e orem, para não cairem em tentação."
Lc 22, 39-46

"Quando orardes, não façam como as pessoas fingidas, que gostam de orar de pé, nas casas de oração e às esquinas das ruas, para toda a gente ver. Garanto-vos que essas pessoas já receberam a sua recompensa. Tu, porém, quando quiseres fazer oração, entra no teu quarto, fecha a porta e ora a teu Pai que está presente sem ser visto. E o teu Pai, que vê o que se passa em segred, há-de recompensar-te."
Mt 6, 5-6

São Lucas diz "e foi, como de costume par ao Monte das Oliveiras", isto quer dizer que Jesus foi para sítio mais perto de Deus, como era seu hábito. Ora se entendermos que o sítio mais perto de Deus é aquele local em que sentimos uma maior intimidade para com Ele, então terá que ser nosso hábito fazer as nossas orações num sítio mais íntimo, num sítio onde nos sintamos bem connosco próprios, em que estejemos em paz.

Para que tenhamos essa intimidade, temos que falar com Deus regularmente. Por exemplo, quando conhecemos alguém e começamos a conversar cm essa pessoa, acaba por se criar alguns laços ao lngo do tempo. Com Deus verifica-se o mesmo, só teremos intimidade com Ele se conversarmos, se orarmos.

Também devemos ser humildes na forma como rezamos, tomando como exemplo Jesus que "pondo-se de joelhos, começou a orar" e não devemos ter medo de falar dos nossos problemas, não devemos ser como os discípulos que, enquanto Jesus rezava, se encontravam a dormir. Muitas vezes quanto estamos em alguma situação complicada, entregamo-nos aos problemas e "dormimos". Enfrentá-los, sempre com a confiança de que temos Deus do nosso lado, é a melhor solução, é daí que nos vem a paz e a alegria, como aconteceu a Jesus com o Anjo que o foi confortar.

Podemos dizer, que a oração nos coloca em relação directa com Deus. Alguns fariseus transformavam a oração numa ocasião para aparecer e se exibir diante dos outros. Havua gente que procurava estar nas esquinas em lugares públicos, para que todos pudessem ver como rezavam.Ora, uma atitude assim perverte a nossa relação com Deus. É falsa e sem sentido. Por isso, Jesus diz que é melhor fechar-se no quarto e rezar em segredo, perservando assim, a autenticidade da relação. Deus vê-nos mesmo em segredo e escuta-nos sempre. Trata-se de uma conversa entre dois amigos que se devem ouvir mutuamente e isso faz com que haja uma amizade que não deve ser corrompida por egoísmos e egos.

Rodrigo

Conversa com Deus



Hoje busquei forças em Tua casa.
Pedi ajuda, rezei
Busco em Ti a paz,
Busco em Ti a luz,
Busco em Ti o caminho,
E Tu mostra-me Jesus.
Vem Pai, abençoa a minha casa
Vem Pai, abençoa a minha vida.
Traz-me alegria, paz, harmonia
Quanta paz sinto em Ti.
Quanta luz vejo surgir
Deus traz-me a Tua força
Tira de mim esta angústia
Sei que em Ti consigo ajuda
Fecho os olhos e sinto a Tua presença,
Calo-me para conversar contigo
Nos meus momentos de aflição.
Abençoa-me Pai, abençoa
Cura a minha dor, o meu sofrimento
Sinto a tua presença a todo o momento
Abençoa-me Pai, abençoa.